Notícias

Notícias / Diversos /

Entenda como revitalizar espaços com a construção de playgrounds

Quantas vezes você já passou por algum local relativa ou totalmente afetado pela ação do tempo? Sejam estes lugares públicos ou privados, eles e as pessoas que os frequentam acabam sendo prejudicados. Não é raro ver pelas cidades construções buscando revitalizar diferentes áreas, as quais muitas vezes dão aos playgrounds uma posição de destaque.

Existem incontáveis exemplos de bairros e espaços públicos que ganharam vida e passaram a ser mais frequentados após uma boa revitalização. O mesmo acontece com condomínios, escolas e empresas, onde a presença de pessoas aumenta graças à reforma.

Playgrounds costumam fazer parte do processo, já que eles atraem crianças de todas as idades e, consequentemente, seus pais. A beleza desses parquinhos infantis é um dos aspectos que contribuem para que eles estejam presentes em ambientes revitalizados, adicionando formas e cores a lugares que anteriormente não tinham muita graça.

No texto de hoje, a Brubrinq vai te mostrar quais são os principais passos a serem tomados na hora de revitalizar um espaço com playgrounds. Alguns deles podem parecer óbvios, mas é importante não deixar de fazer nenhum para garantir que tudo seja feito com a maior eficiência e segurança possíveis. Entenda!

 

Antes da construção dos playgrounds

Planejar é a primeira etapa de qualquer projeto. É através do planejamento que detalhes podem ser alinhados e possíveis erros previstos. Confira o que deve ser feito:

 

Orçamento

Revitalizar espaços com playgrounds só será possível se existir um controle de gastos. É a partir dele, entre outros fatores, que poderá ser definido, por exemplo, o tamanho e o material do parquinho. Calcular quanto se tem para investir também serve como orientação para escolher a empresa e a quantidade de brinquedos instalados.

 

Material

Após um orçamento detalhado feito, os outros itens, sendo o principal deles o material, podem ser escolhidos com maior precisão. Atualmente, existem quatro materiais usados regularmente: ferro, plástico, madeira e madeira plástica.

Cada um conta com as próprias vantagens e desvantagens, e cabe ao responsável pelo projeto decidir qual se adapta melhor às suas condições. As formas de manutenção e limpeza e a faixa etária das crianças costumam ser as principais influências aqui.

 

Piso

Outra etapa importante, porém frequentemente esquecida, é a escolha do piso ideal. Por questões de segurança, o piso dos playgrounds não deve ser o mesmo do restante do local. Seja ele emborrachado, de grama natural ou de grama sintética, o piso deve cumprir a função de absorver impactos e fazer o parquinho ser protegido para os pequenos.

 

Depois da construção dos playgrounds

É preciso ter em mente que não basta construir o parquinho. Para assegurar o seu funcionamento perfeito, há um passo que não pode ser negligenciado:

 

Manutenções

Nunca é demais falar sobre a importância da manutenção. Ter uma rotina destas inspeções dá a certeza de que tudo está em ordem e, caso não esteja, identifica e ajuda a consertar os erros. A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) recomenda que, além de inspeções feitas por profissionais, o responsável pelo playground faça avaliações visuais diariamente.

 

Gostou do texto de hoje? Acompanhe a Brubrinq no Facebook e no Instagram e fique por dentro de todos os nossos conteúdos!

Facilidade de Compra: Qualidade garantida:

Agência Digital WEBI