Notícias

Notícias / Diversos /

Os benefícios dos animais de estimação no desenvolvimento emocional das crianças

Se você tem um filho com pouco mais de três anos com toda certeza já passou por uma situação assim: “Papai, mamãe podemos ter um cachorrinho?”. As crianças de forma geral se apegam e nutrem um carinho muito facilmente pelos animais e os benefícios dessa relação são incontáveis.

Caso você não tenha tido a oportunidade de compartilhar a sua infância com um animalzinho é normal que esteja receoso com esta situação nova, tanto para você, quanto para o seu filho. Antes de tudo leia muito a respeito e converse com a família, para que todos estejam preparados caso a decisão seja a de receber um novo membro animal. 

Não importa qual animal seja o escolhido: um gato, um cachorro, um peixe, um pássaro, um porquinho da índia, até um pet inusitado como um lagarto. Todos eles vão ensinar coisas muito importantes para o seu filho e que ele levará consigo para a vida toda. Na verdade toda a família é beneficiada com a adoção de um bichinho, mas para os pequenos essa relação é ainda mais transformadora. Vamos ver agora alguns dos benefícios dos animais no desenvolvimento infantil:

1º O animal é um ótimo professor para a criança em vários aspectos, principalmente no convívio social e no senso de empatia.

2º Estudos comprovam que há um aumento nas funções imunológicas e na diminuição de alergias.

3º Trazem um sentimento de segurança. Um estudo britânico chegou à conclusão que as crianças consideram o pet como um ser superior ao ser humano e por isso se sentem seguros ao lado deles.

4º Podem incentivar a prática de exercícios, principalmente os cães, propiciando um estilo de vida mais saudável.

5º São ótimos conselheiros para os momentos de tristeza. Animais são os grandes companheiros na infância. Outro estudo apontou que 75% das crianças participantes, entre 10 e 14 anos, buscam contatos com seus animais de estimação quando estão chateadas.

6º Criam o senso de responsabilidade. O ideal é que você estipule que a criança fique responsável por cuidar de algo do animal, como trocar a água, dar comida, sair para passear, assim você poderá incentivar o senso de responsabilidade e preocupação com o próximo.

7º Ensinam que existem limites. Cabe aos pais explicar aos filhos que os pets não são brinquedos. Os animais assim como as crianças têm rotina, horário de comer, de dormir e de se divertir. A criança logo entende que o seu animalzinho tem uma vida igual a sua.

8º Incentivam a afetividade e o sistema locomotor. Não há nada mais sincero que o amor entre a criança e seu animal de estimação. Estudos mostram que a convivência com animais resultam em crianças mais calmas e que fazem amizades com maior facilidade. Muitas vezes o animal é o primeiro e melhor amigo da criança.

Viu só, como um animal pode ser transformador na vida de uma criança? Pense com carinho a respeito deste assunto e até o próximo post!

Facilidade de Compra: Qualidade garantida:

Agência Digital WEBI